“Bacurau” vence prêmio do júri no Festival de Cannes

O Festival de Cinema de Cannes deste ano está sendo ótimo para os filmes brasileiros! Após A vida invisível de Eurídice Gusmão,  de Karim Aïnouz levar o prêmio da mostra Un Certain Regard (Um Certo Olhar) na sexta, foi a vez do aclamado Bacurau ter seu dia de glória. O longa de Kleber Mendonça Filho vai trazer pela primeira vez para o Brasil o Prêmio do Júri.

Bacurau dividiu o prêmio do Júri com o filme Les Misérables (Os Miseráveis), de Ladj Ly. Na premiação principal de Cannes, são distribuídos sete prêmios. O mais importante é a Palma de Ouro, ganhada este ano pelo filme coreano Parasite. Além dele, há o Grand Prix, o Prêmio do Júri e as categorias de direção, roteiro, ator e atriz. O Prêmio do Júri é entregue desde 1946.

O filme retrata um pequeno povoado do sertão (Bacurau) que sofre com a morte de Dona Carmelita, uma mulher muito querida. Dias depois, os moradores percebem que a comunidade não consta mais nos mapas. Juliano Dornelles divide com Kleber Mendonça Filho a autoria e direção do longa, uma coprodução Brasil-França gravada no Sertão do Seridó, divisa do Rio Grande do Norte com a Paraíba.

Confira o trailer

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *