Mulher-Maravilha | Conheça todas as dubladoras brasileiras da heroína

O filme da Mulher-Maravilha estreia nesta quinta-feira (1º), e as críticas ao longa estão sendo bem positivas (confira a nossa aqui). Na hora de ir ao cinema, muitas pessoas ainda optam pela versão dublada, pois se identificam com algumas vozes que são icônicas. Para a alegria dos fãs da dublagem, iremos falar sobre todas as dubladoras brasileiras que a Princesa das Amazonas já teve. Descubra não apenas quem dubla a estrela do mais novo filme da DC Comics, Gal Gadot, mas também saiba quem emprestou a voz para a heroína na série de TV e nas animações. Bora lá?

Diana Morel

Vamos começar com a série dos “Super Amigos”. A consagrada equipe de heróis que, além de Diana, contava com Batman, Superman, Aquaman e outros, fez a festa de muita gente quando era exibida pelo SBT. Neste desenho, a Mulher-Maravilha contou com duas dubladoras. Uma delas, sua xará! Diana Morel foi a primeira a emprestar sua voz para a personagem na primeira temporada da animação, em 1973. Ela nasceu no Rio de Janeiro, em 1935 e faleceu em 1998, vítima de um infarto. Além de dubladora, Morel também era atriz, participando de várias novelas da Rede Globo, dentre elas “Selva de Pedra” e “A Gata Comeu”.

Ilka Pinheiro

A partir da segunda temporada de Super Amigos, Ilka Pinheiro assumiu o posto de dubladora da Mulher-Maravilha. Ilka, que também é atriz, iniciou sua carreira em 1963. Ela também já dublou a Feiticeira (He-man) e Carrie Fisher em Star Wars: Episódio IV – Uma Nova Esperança (Dublagem Original). Confira uma entrevista com a dubladora no vídeo abaixo.

 

Ângela Bonatti

Entre 1975 e 1979 foi ao ar a série da Mulher-Maravilha na TV. Protagonizada por Lynda Carter, o seriado é lembrado ainda hoje por fãs da personagem em todo mundo. Mas você sabe de quem é a voz brasileira da heroína na série? Trata-se de Ângela Bonatti. Ela nasceu em 1944, em São Paulo, e começou na dublagem em 1959. Bonatti também emprestou a voz para a Batgirl (As Aventuras de Batman e Robin) e Wormmon (Digimon 2).

Um pouco mais recente, tivemos a animações Liga da Justiça e Liga da Justiça Sem Limites, que marcaram a infância de muitos nos anos 2000. E é claro que a voz da Guerreira Amazona é uma das mais icônicas e lembradas. Nas “Ligas”, a responsável por dublar Diana no Brasil é Priscila Amorim. Ela é dubladora desde 1997 e também já emprestou a voz para Sora (Digimon), Lisa Simpson (Os Simpsons), Gamora (Guardiões da Galáxia), dentre outras personagens.

Priscila era esperada pelos fãs no filme estrelado por Gal, mas a escolhida foi a última da nossa lista. Relembre abaixo as “vozes” de Priscila Amorim.

Por fim, chegamos a dubladora da maior super-heroína de todos os tempos nas telonas. A voz brasileira da Mulher-Maravilha (Gal Gadot) no filme que estreia nesta quinta-feira (1) é de Flávia Saddy. Ela tem 38 anos e em 2005 ganhou o prêmio Yamato, também conhecido como o “Oscar da Dublagem”. Flávia, que também é locutora esportiva, dublou ainda a Supergirl (Liga da Justiça Sem Limites), Kristen Stewart (Saga Crepúsculo: partes 1 e 2) e Natalie Portman (Thor e Thor: O Mundo Sombrio).

E aí, qual a dubladora mais arretada? Não deixe de comentar e compartilhar!